Se Apega

Blog Oficial do ParPerfeito

Separamos mas eu ainda a amo

duvidas-do-amor-masculino-v2

Pergunta: Eu e minha mulher tivemos uma briga muito seríssima, nos magoamos e nos agredimos muito com palavras. Já faz 05 meses que ela saiu de casa e foi morar com a mãe e a filha dela. Tentei conversar com ela faz uns 02 meses e disse que apesar da mágoa ainda a amava. Ela não quis saber e falou que para ela tinha acabado. Estou curtindo meu luto, mas não consigo esquecê-la, penso nela todos os dias. Hoje conversamos cordialmente, pois temos coisas juntos (como nossa casa que estamos tentando vender). Já falei outra vez para ela que a amava e precisava dela, porém ela não deu assunto. Estou tentando conhecer pessoas interessantes nesse site, porém o entusiasmo passa logo e a esperança de retornar com meu casamento de 10 anos se vai. Não sei mais o que faço, não sei se mantenho as esperanças ou se desisto de vez. Está dúvida me angustia muito e não deixa minha vida andar. O que vocês acham? Como podem me ajudar? O que fazer? Sinto muita falta dela.

RESPOSTA: Entendo perfeitamente que depois de 10 anos de casamento a elaboração do término de um relacionamento não se faz da noite para o dia. Comparados com os 10 anos, 5 meses é pouco tempo e o que mais indica que esse tempo ainda não foi suficiente é o que você ainda sente por ela.

Pelo seu relato parece que para ela o casamento está encerrado e ela não pensa em voltar. Talvez as mágoas e as agressões tenham sido intoleráveis para ela, mais do que para você (mesmo que tenham te abalado também).

Como você ainda gosta dela e há entre vocês uma relação cordial, penso que você poderia retomar o assunto pela última vez. Acho que seria interessante você inclusive expressar que esta é a última vez que você insiste e que precisa ter uma posição dela para que defina o que vai fazer. Se a resposta for novamente negativa, talvez seja o caso de pensar em desistir de vez e dar novos rumos à sua vida.

Artigos relacionados:

Comments

comments

Tags:

Comentários